quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Something old, something new Something borrowed, something blue

"Something old, something new  Something borrowed, something blue
O significado deste velho ditado aponta para sua origem. O frase completa traduzida é:

"Algo velho, algo novo
Algo emprestado, algo azul
E uma moeda de prata sixpence no seu sapato".

Cada item neste poema representa um símbolo de boa sorte para a noiva. Se ela carrega todos eles no dia do casamento, o casamento será feliz.

"Algo velho" simboliza a continuidade com a família da noiva e com o passado.
"Algo novo" significa otimismo e esperança para a vida nova da noiva.
"Algo emprestado" geralmente é um item emprestado de um casamento feliz de algum amigo ou membro da família, cuja fortuna e felicidade obtida no casamento é simbolicamente transmitida para a noiva no dia de seu casamento. O item emprestado também lembra a noiva que ela pode depender de seus amigos e familiares no começo de sua nova vida de casada.

Quanto ao item colorido, azul tem sido ligado a casamentos para séculos. Na Roma antiga, as noivas vestiam azul para simbolizar o amor, a modéstia, e fidelidade. O cristianismo tem muito a Virgem Maria vestida de azul, indicando sua pureza. Antes do final do século XIX, azul foi uma cor popular para vestidos de casamento.

E, finalmente, uma prata sixpence (moeda de prata) no sapato da noiva representa riqueza e segurança financeira. A sixpence é uma moeda que foi cunhada na Grã-Bretanha (1551-1967). Foi feita de prata e no valor de seis tostões. A sixpence foi originalmente lançada em circulação durante o reinado de Edward VI e tem sido uma tradição de casamento desde o reinado de Elizabeth I. Dizem que esta tradição remonta à época em que existia um costume escocês de o noivo colocar uma moeda de prata debaixo do pé para a boa sorte. Para ter mais sorte, a sixpence deve estar no sapato esquerdo.

Hoje em dia a interpretação moderna desta tradição é a noiva ou o pai a colocar a moeda em seu sapato esquerdo como amuleto para trazer riqueza para o casamento, no sentido tanto de riqueza financeira e uma riqueza de felicidade.