terça-feira, 1 de dezembro de 2009

O Cravo e o Casamento.


Tradicionalmente, os noivos usam um cravo branco na lapela, porém pouca gente conhece o significado desta tradição.

O nome do cravo deriva das palavras gregas "Dios", referindo-se ao deus Zeus, e "anthos", que significa flor, assim temos "divina flor" ou "flor dos deuses"(nomeado pelo Theoparastus botânico grego). Era uma das flores usadas para fazer as coroas de cerimonial na Grécia.

Geralmente, os cravos são usados em ocasiões especiais, em especial no Dia das Mães e Casamentos. Os Cravos Brancos são muito utilizados em casamentos por ser símbolo de amor puro, fidelidade, boa sorte, talento e inocência. Já os cravos rosas têm o significado mais simbólico e histórico. Segundo uma lenda cristã, cravos apareceram pela primeira vez na Terra quando Jesus carregou a cruz. A Virgem Maria chorou no sofrimento de Jesus, e cravos surgiram a partir de onde as lágrimas caíram. Assim, o cravo rosa tornou-se o símbolo do amor eterno de uma mãe. Na Coréia é muito usado para presentear os pais no Dia dos Pais (pai e mãe), por representar gratidão, admiração, amor e carinho.

Já na França o cravo é considerado uma flor de funeral, dada em pêsames pela morte de um ente querido, simbolizando a má sorte e o infortúnio.

- O noivo deve necessariamente usar cravo branco no paletó?
R: O cravo branco no paletó do noivo pode ser substituído por lenço ou por uma das flores que compõem o buquê da noiva.